página inicial   |    quem somos   |    como pesquisar   |    anuncie   |    fale conosco
     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News
PESQUISA RÁPIDA:
produto ou serviço:


Riscos Ocupacionais - Conheça os riscos ocupacionais do porteiro e saiba como se prevenir


20/06/20

 Profissões – As condições de trabalho fornecidas para que um profissional desenvolva as suas funções, influenciam diretamente em sua produção e em fatores ligados à segurança, como acidentes de trabalho e riscos. Dessa forma, os riscos ocupacionais do porteiro se enquadram em categorias distintas de outras profissões. No entanto, os riscos podem ser evitados ou amenizados tendo em vista o cuidado e a atenção ao efetuar as atividades profissionais.

 
Riscos ocupacionais do porteiro e suas atribuições
O porteiro é profissional responsável pela fiscalização de determinado prédio, na medida em que controla o fluxo de entrada e saída de pessoas e veículos do mesmo; também é o responsável pela guarda do patrimônio.
 
Além disso, o porteiro também realiza outras atividades, como a recepção de pessoas, o fornecimento de informações, o recebimento de correspondências, bem como a distribuição e entrega delas.
 
No entanto, a profissão não é tão simples, pois muitos profissionais da área ficam isolados em guaritas, passando longos períodos sentados e impossibilitados de realizarem outras tarefas concernentes à profissão.
 
Em alguns casos, os horários destinados à alimentação e ao descanso ficam comprometidos, prejudicando a saúde física e mental do profissional.
 
Dessa maneira, os riscos ocupacionais do porteiro dizem respeito aos riscos físicos, uma vez que os principais problemas de saúde que acometem a classe são causados pelo fato de ficarem muito tempo sentados.
 
É o caso, por exemplo, de problemas na coluna, problemas de circulação sanguínea, síndrome metabólica e complicações cardíacas; além do desconforto e dores nas pernas e pés.
 
Também se configura como um fator de risco, o horário em que o profissional atua, pois no período noturno, ele pode ser uma vítima mais vulnerável da violência urbana em um contexto geral.
 
Dependendo também do tipo de estabelecimento, como hospitais, fábricas, etc., os riscos podem ser ainda maiores, o que torna necessário seguir as regras de segurança do estabelecimento ou exercer o direito para que tais regras existam.
 
O que são riscos ocupacionais
Os riscos ocupacionais se denominam como sendo as chances de algum trabalhador sofrer danos estando desenvolvendo o seu trabalho; ou seja, possíveis acidentes ou doenças em que os profissionais estejam expostos.
 
Os tipos de riscos ocupacionais vão variar de acordo com o ambiente onde o profissional atua. Portanto, dependendo do ambiente, o trabalhador está sujeito a maiores ou menores riscos.
 
Como são divididos os riscos ocupacionais
Os riscos ocupacionais são divididos e classificados de acordo com a sua natureza. Dessa maneira, eles são os riscos físico (cor verde), químico (cor vermelha), biológico (cor marrom), ergonômico (cor amarela) e acidental (cor azul).
 
Os riscos operacionais, no entanto, são os riscos relacionados aos acidentes, os riscos comportamentais ou ambientais, englobam os demais riscos citados.
 


Fonte: Diário Prime


Envie essa notícia para um Amigo


Seu Nome:

Seu E-mail:

Nome do Amigo:

E-mail do Amigo:

Mensagem:




Pesquisar Cursos













     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News


Área do Anunciante                     Maquinas Industriais   /   Br Domínio Hospedagem de Sites   /